A história de amor que mudou a vida de Luis Suárez

Que o atacante Luis Suárez é um astro do futebol mundial não há dúvidas. Aos 31 anos, ele já é um dos maiores ídolos do Uruguai e destaque no gigante Barcelona. Mas, o que nem todo mundo sabe, é que foi um amor perdido que mudou a história do jogador.

Suárez vem de uma família pobre da cidade de Salto, no interior do Uruguai. Por conta de sua habilidade com a bola, foi morar em Montevidéu, com 14 anos. Lá, começou a jogar no Nacional, mas sem grandes oportunidades. Em uma entrevista em 2013 à ESPN, ele admitiu que o extracampo afetava seu desempenho nas categorias de base. “Cometi o erro de andar com pessoas que não devia e de sair à noite”, disse.

Suárez nas categorias de base do Nacional

A história do adolescente indisciplinado e rebelde teria uma reviravolta um ano depois, quando ele conheceu Sofia Balbi, uma menina ainda mais nova do que ele. Foi uma paixão avassaladora, que fez Suárez se dedicar mais aos treinos. O romance, porém, viria a ser interrompido pouco tempo depois, quando a namorada se mudou com a família para Barcelona em busca de melhores oportunidades. Para o menino pobre, aquilo era um adeus da amada, e não um até logo. Longe de Sofia, ele teve uma nova recaída na base e passou a ser desacreditado por companheiros e treinadores. De um técnico, recebeu o ultimato: ou se dedica ou volta pra casa. Foi então que o jovem pôs na cabeça uma meta, que naquela época parecia um sonho quase impossível: mudar-se para a Espanha para encontrar o amor perdido. Dedicado, foi melhorando em campo e chegou aos profissionais do Nacional.

Tempo depois, chamou a atenção dos olheiros do Ajax e foi parar em Amsterdã. Morando no continente europeu, engatou o namoro com Sofia. Com a carreira e a vida pessoal no rumo certo, Suárez virou ídolo na Holanda e, de lá, foi vendido para o Liverpool, da Inglaterra. Com duas Copas do Mundo na bagagem, o atacante já era uma realidade no futebol mundial, mas faltava ainda realizar uma meta: ir morar na Espanha de seus sonhos da adolescência.

Em 2014, o sonho do menino pobre de Salto se tornou realidade, quando ele foi jogar no poderoso Barcelona. Lá, formou um dos trios mais badalados do mundo, ao lado do argentino Lionel Messi e do brasileiro Neymar. No clube catalão, ganhou 4 Copas do Rei, 2 Supercopas da Espanha, 3 campeonatos nacionais, 1 Supercopa da Uefa, 1 Liga dos Campeões e 1 Mundial de Clube.

A cidade que um dia foi o motivo de um coração partido anos depois viria a consolidá-lo como astro do futebol. Suárez se casou com Sofia Balbi em 2009 e com ela tem três filhos. Quem diria que um romance de novela viria a mudar a história do futebol uruguaio.